escrito por:
rubens

publicado em:
02 out 2020

Startups unicórnio: o que podemos aprender com elas?

Falar pra você seguir o exemplo de um unicórnio parece papo de doido né? Afinal, onde você vai encontrar um? Não estão todos no reino encantado?

E mais, a ideia, na verdade, é entender o que faz o unicórnio ser tão bem sucedido e buscar caminhos para se tornar um. Não é ficção. Não é magia. Não é conto de fadas. Vamos falar das startups unicórnios e o que faz delas um exemplo a ser seguido.

O que são startups unicórnio?

Se você acompanha com certa frequência conteúdos voltados à startup, tecnologia ou inovação, provavelmente já se deparou com o termo startup unicórnio.

As startups unicórnio são empresas avaliadas em US $1 bilhão (um bilhão de dólares) antes de abrir capital em bolsas de valores. Ou seja, é considerada unicórnio, aquela startup que arrecada esta quantia gigantesca antes de vender suas ações e por fim se tornar uma IPO – Inital Public Offering (em tradução, Oferta Pública Inicial).

Mas porque unicórnio?

O termo surgiu em 2013, dito por Aileen Lee, fundadora do Cowboy Ventures. Ela comparou as startups que alcançaram a marca de US $1 bilhão com os unicórnios, já que ambos são extremamente raros de serem encontrados.

Por mais que unicórnios não existam, a alusão foi mantida justamente por se tratar de algo raro e mágico. Uma vez que grandes startups partem de uma ideia inicialmente duvidosa, o sentido da comparação fica ainda mais claro.

As principais startups unicórnio do mundo

Segundo relatórios da CBInsigths, hoje no mundo, existem mais de 400 startups unicórnio. Entre elas:

  • Toutiao (Bytedance) – Empresa chinesa avaliada em US $140 bilhões.
  • DidiChuxing – Empresa chinesa avaliada em US $56 bilhões.
  • Stripe – Fintech americana avaliada em US $36 bilhões.
  • Airbnb – Empresa americana avaliada em US $18 bilhões.
  • Epic Games – Empresa americana avaliada em US $17.3 bilhões.

Empresas brasileiras em destaque

Naturalmente, por ter uma veia empreendedora muito forte, o Brasil também apresenta algumas empresas na lista das startups unicórnio:

  • Nubank
  • Movile
  • 99
  • Quinto Andar
  • Loggi

O que as startups unicórnio fazem que dá tão certo?

Algumas práticas das startups são fundamentais para que entrem na seleta categoria de unicórnio. Não só isso, essas práticas tem moldado novos negócios e incentivado outros tantos a repensar suas atitudes no mercado.

Inovação

Talvez a principal característica, não só das startups unicórnio, mas para a sobrevivência de qualquer empresa. Inovar é praticar a revolução no mercado e garantir um diferencial para um produto.

Tecnologia

Não é regra, mas a maioria dos unicórnios investem pesado em tecnologia. Afinal, tecnologia e processos automatizados tem se tornado constantes em novos modelos de negócios.

Experiência do usuário

O cliente é o centro das atenções das startups unicórnio. É por meio das necessidades deles que são desenvolvidos produtos, sempre pensando em funcionalidade e acessibilidade. 

Cultura de crescimento

A cultura organizacional de uma startup unicórnio é geralmente voltada para inovação e crescimento constante.

Qual o segredo para se tornar um unicórnio?

Aí é que está!

Não existe um segredo, fórmula mágica ou receita de bolo capaz de transformar uma startup em unicórnio.

Contudo, há algumas práticas comuns que podem ser notadas entre as startups que com certeza auxiliam no início da jornada. São dicas valiosas para qualquer negócio.

Ter um propósito

Saber onde a empresa quer chegar é o primeiro passo. Definir metas e princípios é o início da jornada.

Foco em resultados

Direcionar a estratégia para resultados aumenta a chance de sucesso significativamente. Mas é preciso manter o foco.

Crescimento constante

O pensamento de uma startup deve estar sempre voltado para a inovação. É preciso ter convicção do que está sendo feito, ter um modelo de negócio baseado em escalabilidade e expansão e não deixar perder a motivação de criar algo único.

Pense no cliente

Se um produto não satisfaz a necessidade de pessoas ele não será reconhecido e não terá grande vida útil. Valorizar quem consome e quem produz é fundamental nesta etapa do processo.

Por fim, startups unicórnio são consequência de excelentes trabalhos realizados por empresas focadas em crescimento, experiência e pessoas. Não necessariamente precisa ser um objetivo, mas com certeza é um resultado obtido através da dedicação e inovação. É um reconhecimento raro, como um unicórnio. 

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


NEWSLETTER