Avatar

escrito por:
rubens

publicado em:
14 out 2020

Como aplicar a gamificação no e-learning

Você pode até não ser fã de videogames, mas há uma grande chance de que em algum momento tenha passado um longo tempo no celular com a atenção presa em um jogo, ou pelo menos conhece algumas pessoas que passam por isso.

Afinal, é natural do ser humano buscar diversão em jogos que além de fazer o tempo, desafiam a mente.

Esta tendência foi percebida por pessoas envolvidas no ensino à distância. E a gamificação chegou no e-learning com a promessa de potencializar o aprendizado e resultado obtido pelos alunos.

Gamificação no e-learning: como funciona?

Aplicar os jogos no ensino à distância é uma forma de transformar o aprendizado com mais dinâmica e desafios. Os elementos da gamificação estimulam os alunos a tirar o máximo de proveito de cada etapa para conquistar os maiores objetivos propostos dentro da plataforma.

O formato de ensino com jogos também apresenta maior eficácia na retenção do conhecimento por parte dos alunos. Uma vez que a pontuação varia de acordo com o desempenho de cada pessoa, os jogadores tendem a se motivar mais para aprender de fato.

Ou seja, o jogo exclui a sensação de obrigação do aprendizado que os formatos tradicionais de aula geralmente carregam.

As principais características da gamificação no e-learning

Os jogos, sejam em consoles, tabuleiros ou no ensino à distância tem o mesmo objetivo: o envolvimento.

E algumas características da gamificação são fundamentais para o sucesso da sua aplicação no ensino. Entre elas:

  • Recompensa e Feedback para os alunos
  • Uso de níveis para segmentar as etapas do ensino
  • Pontuação definida por fase para motivar o aprendizado
  • Elementos visuais atrativos para prender a atenção
  • Tempo definido para execução de cada tarefa, aumentando o senso de organização e urgência
  •  A possibilidade de mais de uma vida por fase para que o aluno experimente caminhos diferentes durante o aprendizado

Ok, vou aplicar a gamificação no e-learning. O que não pode faltar?

Já entendemos que a gamificação é um novo formato para levar conteúdo de forma dinâmica e envolvente para os alunos. E como todo bom jogo, os detalhes que decidirão se o método será eficiente ou não. Um caminho a seguir é este:

Crie um ambiente motivador

O ambiente do jogo é o primeiro passo. Ter um visual atrativo e uma narrativa coesa com o propósito do ensinamento é a primeira etapa crucial na hora de aplicar a gamificação.

Defina e exponha as regras

Todo jogo tem suas regras. No e-learning não pode ser diferente. As regras colocam todos os alunos num nível de igualdade de competição. Entre as fases do aprendizado, ainda vale surpreender com novas regras desafiadoras, ou níveis bônus que apresentam outro formato de competição. Isso ajuda a manter o engajamento.

Linha de chegada

Não existe jogo sem objetivo. No início da jornada do aluno é preciso deixar bem claro qual o papel daquela plataforma para o aprendizado dele. Caso contrário, qualquer atividade não fará sentido e a desmotivação será inevitável para os alunos.

Recompensa no caminho

A cada bom desempenho ou objetivo concluído, o sistema de recompensa deve ser aplicado para que o engajamento e motivação permaneçam em alto nível. Alunos que recebem feedback mostram mais dedicação em fases seguintes.

O objetivo da gamificação no e-learning é oferecer uma experiência nova para o aprendizado. Mais dinâmico e envolvente, o jogo como forma de ensino tem ganhado força entre as instituições e empresas que desejam proporcionar a evolução de conhecimento de forma mais divertida e com aproveitamento máximo.

E estas características apresentadas é o que torna a gamificação mais atrativa para o ensino à distância. A aplicação correta tem como consequência resultados melhores de desempenho dos jogadores.

Conheça mais sobre a gamificação e todos os seus benefícios. Conheça agora a Gamefic.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


NEWSLETTER